sábado, 3 de setembro de 2011

Pouca grana e muito bom humor

Eu sou da opinião que a casa deve ter o jeito do dono, por isso quando a minha tia Rosa me convidou para decorar a sua casa, apesar de contente com o desafio, confesso que senti um frio no estômago.
Ela me deu carta branca, com apenas uma ressalva: evitar a cor azul.
A casa da minha tia é pequena e acolhedora, com bastante detalhes em madeira escura, mas faltava um charme.
Ela e o meu tio não tem filhos, apenas uma cachorrinha muito bem comportada, mas trabalham bastante e o tempo que resta se dedicam a prática do budismo, com reuniões e viagens constantes.
Sobra pouco tempo para casa, por isso, logo que entrei ficou evidente que a casa precisava de carinho. Carinho, mas baratinho...rsrs
Por isso, coloquei em prática a imaginação para criar objetos delicados e úteis.
Depois de uma semana inteira cortando tecidos, colando e garimpando objetos nas lojas de R$1,99 e de um dia inteiro para colocar tudo no lugar, só restou acender as luzes dos abajures, fechar as portas dos cômodos (para aumentar o suspense) e aguardar a chegada dos donos.
Ahhh...claro, deixei uma cartinha em cima da cama, como o meu gesto de amor por eles terem confiado sua casa a mim.
Fiquei muito ansiosa para saber a reação deles e para minha felicidade eles adoraram.
Hoje os meus tios me convidaram para o almoço, um belo prato de costela, e pude conferir que, após 1 ano, a casa está igualzinha, a decoração permanece a mesma. Fiquei muitíssimo feliz!
Veja alguns objetos que criei ou transformei para deixar a casa deles mais charmosa e personalizada.
Espero que goste.

Com spray dourado pintei uma garrafinha de coca cola que passou a fazer a vez de vaso.

Como o teto era bem alto para dar mais aconchego ao quarto eu resolvi dividi-lo ao meio, com apenas R$ 30 reais comprei 11 metros de batente de porta e depois de pintá-lo de branco, com preguinhos fixei na parede. A parte de baixo pintei de tom caqui, que combina com a cor da madeira dos móveis e com o tom palha do restante da casa.
Para dar um charme extra nas paredes, comprei um tecido que possui 5 estampas diferentes, nos mesmos tons, algumas fitinhas e encapei alguns quadros que eu já tinha em casa.

Com o mesmo tecido eu encapei as bordas de uma esteira de praia e fixei uma fita de gorgurão para deixar o acabamento mais bonito. A esteira se transformou em um tapete e fica ao lado da cama.

Os potes de vidro que guardavam molho de tomate, após alguns lacinhos se tranformaram em porta sachê para deixar o quarto cheirosinho e gracioso.

Essa mesa ficava na cozinha, mas era muito grande para o espaço. O tampo de madeira estava descascando. Para reaproveitá-la, pintei o tampo de branco e colei plástico contact de florzinhas. Hoje ela está no quarto do computador.

A casa da minha tia tinha muitos quadros espalhados, cada qual com uma moldura. Para dar maior impacto e preencher a parede atrás do sofá da sala, bastante alta, eu juntei os quadros e pintei as molduras para ficarem parecidas. Nesse caso, usei sprays branco e dourado.

Esses quadrinhos enfeitam a cozinha, são pratinhos de plástico com uma flor colada no meio. Comprei tudo na loja de R$ 1,99. A cozinha antes tão sem graça agora ganhou um visual único.