quarta-feira, 30 de maio de 2012

Íntimo e pessoal

Eles brigam como cão e gato.
A situação entre os dois é tensa. Na casa, no carro ou na fazendo o pau come. Uma coisa que os dois sabem fazer junto é lavar a roupa suja.
Eles brigam, mas não se desgrudam.
De fato, vivem perfeitamente bem nesse ringue constante em que transformaram a casa deles.
Mas, o problema são os outros.
Deixar a vida exposta como um livro aberto tem o seu preço.
E o preço que eles pagam é conviver com o julgamento de pessoas que mal conhecem. Todos se acham em condições de dar conselhos para o casal.

- Quando ela estiver de TPM, evite assuntos como cartão de crédito, peso ou limpeza da casa.
- Quando ele estiver nervoso, não reclame que chegou tarde em casa ou não brincou com as crianças.

E por aí vai...

Os amigos e a família, cansados de tanta confusão, pararam de convidar o casal para viajar.
Mas, a gota d`água foi quando o filho se recusou a viajar com eles no mesmo carro e pediu carona para o tio.

– Meus pais brigam o tempo todo e eu não consigo dormir ou ouvir música.

Nesse dia, os dois sentaram frente a frente e estenderam a bandeira branca da paz. Dali em diante, eles prometeram que as brigas seriam lembranças ruins do passado.
Os dias que seguiram foram de pura harmonia no lar desse casal e, aos poucos, os vizinhos, a família e os amigos se reaproximaram. Até o filho passou a ficar mais em casa.
O casal acostumado a viver sempre em alta temperatura, ter a sua vida exposta em um livro aberto, agora parecia entediado.
Os dois sentiam falta do tempo em que eram verdadeiros um com o outro e com o mundo e resolviam os seus problemas fazendo sexo selvagem na cama.
Agora até o sexo estava morno e sem graça.
Em uma noite dessas quando estavam sozinhos no quarto, olhando para o teto, ela tomou coragem para falar sobre o relacionamento dos dois e, pela primeira vez, chegaram a um acordo.
Na noite seguinte, eles apareceram com suas luvas de boxe, transformaram o quarto em um ringue e deram início ao vale tudo.
A diferença é que dessa vez a luta seria íntima e pessoal.