quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Achados de Moda - Aproveite as férias no Ceará para garimpar peças feitas à mão



O nordeste do Brasil, que inclui o Estado do Ceará, é famoso por seus artesãos, com um destaque especial para as mãos abençoadas das rendeiras.
Mas, se sobra talento, às vezes falta um olhar mais apurado de um profissional de moda ou designer para que as peças façam sucesso com o público mais exigente.
A notícia boa é que esse cenário está mudando e em ritmo acelerado. Além disso, hoje, o trabalho artesanal, “handmade” como é chamado no circuito da moda, nunca foi tão valorizado principalmente por quem busca uma peça exclusiva.  
Enquanto eu estive no Ceará, garimpei algumas peças lindas feitas por artesãos da região, desconhecidos que me inspiraram com os seus talentos a escrever esse texto. 
Quem valoriza uma peça feita a mão sabe que o valor dela não pode ser medido apenas pelo tempo que levou para ser confeccionada ou o material com que foi fabricada, como acontece na indústria.
Quando uma rendeira entrega o resultado do seu trabalho para outra pessoa, ela está se despedindo de algo para sempre porque sabe que nunca mais conseguirá fazer outra igual. Parecida sim, igual nunca. 
Vestidinho lindo feito vários tipos de renda e organza
 Por isso, uma peça feita a mão, além de ser exclusiva, tem um valor sentimental, o que é muito difícil de calcular.
Essas peças simbolizam a cultura e as tradições de um povo, técnicas de confecção que foram repassadas por muitas gerações até chegar ao seu guarda- roupa, a sua mesa ou enfeitar um canto da sua casa.  

Saia feita com tecido rústico é valorizada com o detalhe dos acabamentos em tricô. Simples e delicada. 
É comum os estilistas, designers, arquitetos, artistas de maneira geral, buscarem inspiração para as suas obras em vilarejos e comunidades isoladas. 
Nesses lugares, onde a cultura de massa ainda não se estabeleceu é possível encontrar trabalhos autorais cheios de personalidade e criativos. 

Colar de madrepérola vendido na praia de Cumbuco
O encontro entre os profissionais da cidade e os artesãos desses mundos preservados está resultando em produção de roupas e artefatos para casa de alta qualidade e bom gosto e elevou o produto artesanal a outro nível. 

Panelas "bordadas" - detalhe dos desenhos é feito com palitinhos de dente
Por isso, quem ainda franze o nariz quando escuta a palavra “artesanato” pode estar na hora de rever os seus conceitos para outro universo de consumo. 

Destaque para a tolha branca que lembra uma rede de pesca
Hoje ser chique não é apenas ser inteligente, mas também incentivar que as relações – inclusive as comerciais - sejam mais gentis e afetuosas.